ALGUÉM COMO EU, LONGA ESTRELADO POR PAOLLA OLIVEIRA E RICARDO PEREIRA, GANHA NOVA DATA DE ESTREIA: 24 DE MAIO

O filme se passa no Rio e em Lisboa e é dirigido pelo português Leonel Vieira

Ace 0002 Cartaz Brapor Curva Final 01 Jc

Filmado em Lisboa e no Rio de Janeiro, em uma coprodução entre a Gullane e a Stopline, o longa-metragem conta um ano na vida de Helena (Paolla Oliveira), uma jovem e bem-sucedida mulher de 30 anos, que toma uma decisão radical depois de várias decepções amorosas: viver em Lisboa, solteira e independente. Porém, Helena não controla o destino e dá de cara com uma nova paixão, Alex (Ricardo Pereira). Mas, se a princípio as coisas parecem perfeitas, com o passar do tempo ela está estagnada em mais uma relação rotineira. O problema é quando Helena deseja que Alex se torne um pouco mais parecido com ela e algo inesperado acontece: quando ela olha para ele, vê a figura de uma bela mulher. Seu desejo foi atendido, porém não da forma que ela imaginava.

O roteiro de Alguém Como Eu é de Pedro Varela, Tatiana Maciel e Adriana Falcão. O filme é produzido por Caio Gullane, Fabiano Gullane e Leonel Vieira e tem coprodução da Paris Entretenimento, Telecine, Stopline Media Brazil, Like Creative e RTP.

Sobre a Paris Filmes
A Paris Filmes é uma empresa brasileira que atua no mercado de distribuição e produção de filmes, primando pela alta qualidade cinematográfica. Além de ter distribuído grandes sucessos mundiais, como o premiado “O Lado Bom da Vida”, que rendeu o Globo de Ouro® e o Oscar® de Melhor Atriz a Jennifer Lawrence em 2013 e “Meia-Noite em Paris”, que fez no Brasil a maior bilheteria de um filme de Woody Allen, a distribuidora tem também em sua carteira os maiores sucessos do cinema nacional, como as franquias “De Pernas Pro Ar” e “Até Que a Sorte nos Separe”. Nos últimos anos, a Paris lançou o vencedor do Grande Prêmio do Júri em Cannes 2013, “Inside Llewyn Davis – Balada de um Homem Comum”, dos irmãos Coen; o aclamado “O Lobo de Wall Street”, de Martin Scorsese, “Mapas Para as Estrelas”, de David Cronenberg (Melhor Atriz no Festival de Cannes – Julianne Moore); a primeira adaptação animada da obra-prima de Antoine de Saint-Exupéry, “O Pequeno Príncipe”; “A Série Divergente” e o esperado final de Jogos Vorazes em “A Esperança – O Final”.

Produzidos pela Paris Entretenimento, há ainda “Um Namorado Para Minha Mulher”, “Carrossel 2 – O Sumiço de Maria Joaquina” e “Meus 15 Anos”. Em 2017, a empresa esteve à frente de lançamentos como “La La Land – Cantando Estações”, grande vencedor da 74ª edição do Globo de Ouro®, com 7 estatuetas incluindo Melhor Filme de Comédia ou Musical, “A Cabana”, “D.P.A: Detetives do Prédio Azul - O Filme”, “Extraordinário”, entre outros. Para 2018, a distribuidora possui um lineup diverso, que inclui títulos como “Nada a Perder – Contra tudo. Por todos”, “Baseado em Fatos Reais”, de Roman Polanski, “O Homem das Cavernas”, de Nick Park, “Turma da Mônica – Laços”, “Robin Hood – Origens”, entre outros.

Sobre a Gullane
Em 1996, os irmãos Caio e Fabiano Gullane fundaram a Gullane Entretenimento, hoje somando mais de 40 filmes com destaque no Brasil e no exterior, 25 séries de televisão, inúmeros especiais e documentários. “Carandiru”, “Bicho de sete cabeças”, “O ano em que meus pais saíram de férias”; a franquia “Até que a sorte nos separe”; “Que horas ela volta?”, "Como nossos pais”, "Bingo, O rei das manhãs”; as séries “Alice” (HBO), Unidade Básica (Universal) e “Carcereiros” (TV Globo) são algumas das obras realizadas pela Gullane nos últimos anos.

Uma produtora ativa no crescimento do audiovisual brasileiro que ancora seus projetos com os melhores talentos e players do entretenimento. Sua capacidade e empenho em todas as etapas de realização a garantiu importantes coproduções internacionais e a comercialização de suas obras para mais de mais de 60 países, levando a identidade do cinema nacional mundo a fora.

Caracterizada por sensibilizar e movimentar reflexões através de suas histórias a Gullane já acumulou mais de 500 prêmios e nomeações em sua carreira, além de ter seus projetos reconhecidos nas seleções oficiais dos festivais mais importantes do mundo como: Oscar, Cannes, Berlim, Sundance, Toronto, Veneza e o prêmio Emmy.

Sobre o Telecine
Joint-venture entre a Globosat e os quatro maiores estúdios de Hollywood – Paramount, MGM, Universal e Fox –, a Rede Telecine também exibe com exclusividade as produções da Disney e sucessos do mercado independente. O melhor do cinema mundial estreia na TV brasileira através da Rede Telecine cada vez mais rápido. Para investir cada vez mais na produção cinematográfica nacional, a Rede Telecine lançou em 2008 o Telecine Productions, selo de coprodução de títulos em parceria com grandes produtoras brasileiras. Além de estimular a criação de novos filmes, o Telecine garante a exibição desses títulos com exclusividade em suas diferentes plataformas.
No Telecine Play, plataforma online do Telecine exclusiva para assinantes, é possível assistir a todos os filmes da Rede a qualquer momento e em diversas telas: TV conectada, computador, tablet, smartphone ou Xbox. Algumas produções podem também ser vistas através de download temporário, que permite ao assinante assistir a longas-metragens off-line, sem estar conectado à internet.
O Telecine fechou o ano de 2017 com um recorde de audiência: alcançou, no horário nobre, sua melhor média dos últimos dez anos. Dos filmes mais vistos no ano passado na TV paga, o campeão foi Doutor Estranho, que em sua estreia no Telecine Premium, no dia 18 de novembro, ficou em 1º lugar entre todos os canais por assinatura. Quando o assunto é o prêmio Top of Mind do Datafolha, o Telecine se mantém no topo na categoria de canais de filmes há 11 anos. A rede é fundamental na manutenção da TV por Assinatura e, em 2018, da lista dos dez filmes mais vistos no Brasil em 2017, seis têm lugar garantido no Telecine.

Sobre a Stopline
A STOPLINE, com sede em Lisboa, é uma produtora de referência em vários mercados, principalmente em Portugal, Espanha e no Brasil. Fundada em 2004 pelo cineasta Leonel Vieira a Stopline produziu mais de 30 longas metragens e séries de televisão e mais de 200 filmes publicitários. Do seu currículo destaca-se “RED BRAZIL”, uma coprodução com a CONSPIRAÇÃO FILMES (Brasil), a PAMPA PRODUCTION (França) e a CD FILM (Canadá). Trata-se de uma grande produção de 10 milhões de dólares, sobre a presença francesa no Brasil em
1564, filmada em inglês e protagonizada por Stellan Skarsgård e pelo ator português Joaquim de Almeida.
Em 2015, a produtora de Leonel Vieira marcou a história do cinema português, ao produzir o remake de uma trilogia de comédias, baseada nos mais famosos clássicos em preto e branco dos anos 40 em Portugal. O “PÁTIO DAS CANTIGAS” foi o primeiro filme em exibição e o mais visto de sempre, ultrapassando os $ 3.850.000 de receitas de bilheteira. No mesmo ano, a Stopline foi responsável pelo maior production service em Portugal para o filme “The Promise”, do realizador Terry Jorge, com Oscar Isaac, Christian Bale e Charlotte Le Bom, uma mega produção que contou com uma equipe de mais de 500 técnicos.

Informações para a Imprensa:

Maria Fernanda Menezes
Poché Assessoria & Produções
mafemenezes@gmail.com
(11) 98122-0558

voltar